CLUBE DOS YAMAHEIROS
Desculpa, você está desconectado, faça o Logon usando seu nome de usuário e senha previamente cadastrados ou faça o seu cadastro.

YBR/YBR FACTOR - REVISÃO GERAL

Página 1 de 11 1, 2, 3 ... 9, 10, 11  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

YBR/YBR FACTOR - REVISÃO GERAL

Mensagem por Alex em Sab 14 Jul 2012 - 0:38

Fala galera, então, depois de tanto fazer propaganda, finalmente estou abrindo o tópico sobre como vc fazer uma revisão geral na sua YBR e YBR FACTOR. Tenho até uma boa explicação para toda essa demora, é que as chuvas aqui em Brasilia que normalmente se encerram em Março, mais tardar no comecinho de Maio, esse ano se estendeu até o final de Junho, putz! Então como minha intenção era desmontar pra lubrificar e dar uma lavada geral, enquanto não parasse de chover eu nao iria conlcuir. Algumas partes eu já venho fazendo desde algum tempo, por isso várias datas diferentes nas fotos.



O que será mostrado aqui é válido tanto para a YBR quanto pra Factor, são coisas simples mas que exigem alguma intimidade, habilidade com ferramentas em geral, e são procedimentos e ítens verificados nas revisões feitas nas Concessionárias e oficinas em geral, ou pelo menos era pra ser né. Evil or Very Mad

LUBRIFICANDO ROLAMENTO DAS RODAS


Para retirar as rodas, cada uma tem seu procedimento, cada moto é de um
jeito, então pressupondo que quem for se aventurar com esse tutorial é
pq com certeza consegue retirar a rodas, vamos nessa...

Há rolamentos que tem aquelas capinhas de proteção, nesse caso pegue uma
agulha, ou um grampo de cabelo, ou algo que o valha e entorte a
pontinha dele com alicate para vc enfiar na borda da estremidade  
interna desse protetor e puxe, ele sai com facilidade, depois de
engraxar é só colocar o protetor no lugar e apertar novamente que vai
encaixar.

O que
mais dá trabalho nesse processo é justamente retirar o rolamento devido a
forma que ele é encaixado no espaçador, então com uma chave de fenda ou
um ferro qualquer que entre lá dentro, empurre o espaçador para um dos
lados, muitas vezes vc vai ter que dar umas pancadinhas na chave de
fenda no sentido lateral para que esse espaçador desloque para um dos
lados.





Vá batendo, de leve, claro, e va olhando dentro pra ver se esse
espaçador já se deslocou. Ele se desloca coisa de poucos milimetros,
veja na foto abaixo:





Apesar de ser pouco já é o suficiente para vc começar a mover o
rolamento. Com uma chave de fenda boa, com a ponta bem quadradinha ou
com outra ferramenta qualquer como essa que usei na foto abaixo. Bata em
um dos lados e desloque o espaçador para o outro, bata do outro lado e
desloque o espaçador novamente para o outro lado, vá fazendo assim até
que vc consiga retirar todo o rolamento. Esse trampo é muito chato pois a
bordinha interna do rolamento é arredondada, então o espaçador tem que
estar realmente deslocado o máximo que vc conseguir, e de 10 pancadas
que vc der no rolamento umas 9 a ferramenta vai escorregar, mas é isso
ai, a prática leva a perfeição.




Depois que vc conseguir retirar o primeiro rolamento o outro é moleza né
rss. Só lembrando que quando se tratar de rolamentos encaixados dessa
forma vc tem sempre que bater de um lado e do outro para evitar danos ao
cubo e ao próprio rolamento. Na foto abaixo o rolamento já retirado.




Gente veja como os rolamentos ainda estavam bem lubrificados, já tinha 1
ano que eu tinha feito esse serviço, peguei uma temporada de chuva
violenta nos ultimos meses e tá tudo aí, passei em tanta enxurrada e
alagamentos e mesmo assim não infiltrou nada, realmente os retentores
estão fazendo bem seu serviço.  1 pra YAMAHA




Limpe o rolamento com um pano, papel higiênico ou com o que quiser, não
lave, depois encha ele de graxa por dentro e bata-o no chão em cima de
algum jornal ou pano até a graxa penetrar dentro dele como na foto
abaixo. Feito isso repita o procedimento até a saturação, até não caber
mais nada dentro dele.




Para montar os rolamentos nas rodas usem o mesmo procedimento, bata aos
poucos de um lado e outro para que este não entre de lado prejudicando
assim o cubo ou o próprio rolamento. Depois dele no lugar dê mais essa
"demão" de graxa por cima dele onde vai ficar por dentro dos retentores e
já era.



Para a roda traseira mesma coisa, retirem a roda e em seguida os rolamentos da mesma forma que a dianteira.

Ao montar não tenham dó de graxa, coloquem muita graxa nos rolamentos, depois coloquem muita graxa aí dentro do cubo, coloquem o rolamento em um dos lados e o espaçador e depois mande graxa em volta do espaçador, pois assim vai durar até ano que vem após o término das chuvas.

Na minha moto infelizmente deu infiltração na roda traseira, as enxurradas que eu peguei esse ano foram muito brutas e isso lavou quase que total a graxa dos rolamentos, se eu tivesse demorado mais algum tempo eu teria que trocar os rolamentos, estavam quase secos. Esse espaçador externo do lado esquerdo se desgastou tb bem onde pega o retentor da roda, com certeza foi um dos motivos pra água ter entrado, como vcs podem ver na foto abaixo, é evidente o desgaste, eu montei ele ao contrário, o retentor está agora na parte boa da peça. Vou ficar mais esperto daqui pra frente, quando começar a chover de novo, no máximo á cada 2 meses vou estar desmontando essa roda aí pra lubrificar.



Não deixem de lubrificar o rolamento da coroa, esse é fácil pois não precisa retirá-lo, basta retirar o retentor e limpar ele por dentro com um pano, nada de lavar, e mandar graxa como na foto sem dó, depois coloca o retentor no local e ja era.




Aproveitem tb que a bagaça ta feita mesmo e tb desmontem o espelho do freio e lubrifiquem o eixo Excêntrico, eu considero isso bem importante, pois o desgaste nessa peça aí é grande, ninguém nunca lembra de lubrificar e com o tempo o local onde fica o eixo vai só crescendo.



Bonito tudo limpinho né.







LUBRIFICANDO AS BUCHAS DA BALANÇA

A Balança é uma das partes da moto que mais sofre, pois é nela que fica boa parte do peso da motocicleta, do piloto e do garupa, ela sofre com as imperfeições do solo e pior, com a barbeiragem de muitos, que pulam quebra molas, passam dentro de buracos etc, e por ironia do destino acho que é a parte que ninguém nunca lembra de olhar, a grande maioria só se lembra que ela existe quando começa aquele temível "NHEEC-NHEEC", ou quando a moto começa a balançar nas curvas chegando ao ponto até de jogar o condutor ao chão, pois quando as buchas se acabam a traseira da moto começa a rebolar de um lado pra outro e quando o camarada resolve entrar numa curva meio embalado ai "VAI PRA CHON", como diria a saudosíssima DONA ARMÊNIA(Rainha da Sucata) hehe!

Bom, o trampo é simples, vc retira a roda traseira, solta os amortecedores, tira protetor da corrente e o espelho do freio, aí sim, com duas chaves '17 vc solta a porca, e no caso da ED, vc vai ter que desaparafusar os dois suportes das pedaleiras traseira(bacalhau), os dois parafusos são esses da foto abaixo:




Depois é só puxar o o Suporte com eixo e tudo.




Feito isso é só passar a corrente pra fora da balança como na foto abaixo, por isso falei pra tirar o protetor de corrente, na hora de montar eu sempre esqueço de passar a corrente, aí eu tenho que desmontar tudo de novo ou abrir a corrente pra passar ela, aff!!! Mad




Aqui a balança toda fora, tá certo que eu a retirei com algumas peças enganchadas á ela, mas recomendo que a deixem "peladinha" antes de tirar.



Aproveitem a oportunidade pra darem uma bela lavada aí por baixo.



Aliás, aproveitem pra dar logo uma lavada em tudo, e mão na massa hein pessoal, ou melhor, na GRAXA, nada de luvinha ou outro apetrechozinho pra não danificar as mãozinhas de vcs hehe! flower




Mas continuando, depois de soltar a balança retirem esses dois "tamborzinhos" de dentro dela, assim como as duas GAXETAS, eles fazem conjunto com as buchas.



Vejam depois de limpos o desgaste, isso pq não tem 6 meses que lubrifiquei a ultima vez, agora imagina quem roda muito tempo sem nem lembrar disso aí. Há casos em que a oxidação é tão grande que o eixo cola, pra tirar tem que cerrar, esquentar no maçarico e por ai vai.



Aqui as buchas de cobre onde esses tamborzinhos ficam. So lembrando que essas buchas são originais, quando se compra no mercado paralelo elas vem de plástico, então não percam tempo comprando esses de plástico, pois duram poucos dias apenas. Essas originais de cobre custam em torno de 80 reais nas concessionárias, é caro mas vale á pena, os meus por exemplo já estão com 53.000Km rodados e estão aí firmes e fortes, só não estão melhor pq já tem tempo que os lubrifiquei, mas terei mais cuidado de agora em diante.




Na hora de montar, mais uma vez, não tenham dó de graxa, passem bastante por dentro da bucha, não tenham medo, enfiem seus dedinhos lá dentro e espalhe bem a graxa, na parte mais de dentro, eu não tirei foto, mas tem uma "mini-Gaxeta" com retentor de borracha, isso tudo por dentro da bucha, então encha bem.



Passe graxa em todo o "tamborzinho" e o encaixe no local.



Não se esqueçam de tb encher as Gaxetas maiores



Passem tb uma fina camada de graxa em todo o eixo na hora de montar, vejam o da minha moto como está a corrosão, isso pq ja lubrifiquei tudo algumas vezes.



Apertem a porca do eixo bem assim como os parafusos dos suportes das pedaleiras(bacalhau), mas não á ponto de espanar tudo né gente.

Sejam Felizes!




LIMPEZA CARBURADOR

Bom pessoal, eu até já criei um tópico aqui com esse conteúdo, mas alguns amigos pediram pra que eu o incluísse aqui tb junto com todos os outros pra faciliar mais, até mesmo para quem chegar aqui via GOOGLE. Então tá aí.

Procurem um lugar limpo e um espaço bom
e com muita luz, as peças são pequenas e frágeis, eu usei uma fôrma de
bolo da Sra Patroa, percebam que já está meio corroída devido eu já tê-la
usado para outros trabalhos auhauhauhauh....
Com uma chave Philips afrouxe e solte as abraçadeiras que prendem o carburador a coifa da caixa de ar e ao coletor de admissão






Feche a torneira de combustível, desconecte as mangueiras de combustível, do ladrão que fica em baixo da cuba e uma
outra que tem pelo lado de dentro logo acima da entrada de combustível no carburador.
Eu optei por não tirar o sensor do TPS do carburador, pois todo mundo no Fórum que tirou depois teve o maior trabalho com a maldita luz laranja acendendo.



Com uma chave 10' solte o cabo do acelerador




Pra soltar o conector do sensor TPS, com uma chave de fenda aperte na área circulada em vermelho e com a outra mão puxe o conector para baixo, só enfiar a ponta da chave de fenda nesse orifício, com cuidado pra não forçar e quebrar a peça. Nas YBR Factor que tenham a válvula CutOff, abaixo do sensor TPS, é só puxar o conector.






Na Factor que tem a valvula CutOff, vai haver tb um conector preso á um dos parafusos da cuba, esse parafuso é muito chato de tirar, mas retire o carburador da coifa da caixa de ar e do coletor de admissão, gire-o para a esquerda para esse parafuso ficar á vista e no ponto de vc afrouxar e retirar ele.




Já com o carburador fora retire os dois parafusos da tampa, muito cuidado com o Diafragma que tem por dentro, ele é muito sensível e se rasgar vc estará com sérios problemas.








Por baixo retire os 3 parafusos da cuba, no caso da Factor com valvula CutOff vc já vai ter retirado um desses parafusos anteriormente. Puxe a cuba com cuidado.




Não retire apenas o Gicleur para evitar que ele se estrague ou danifique, retire a flauta toda, retire tb a flautinha menor ao lado e o parafuso que prende o eixo da bóia. Muito cuidado com essa bóia e agulha, são muito sensíveis, se amassar, empenar ou sumir qualquer pecinha vc terá grandes problemas.






Retire o parafuso da regulagem da mistura de marcha lenta, veja na foto quantas pecinhas ele tem, então vc vai ter que retirar todas elas de dentro do furo, caso vc suma qualquer pecinha dessa vc terá graves problemas.






ATENÇÃO, ao colocar esse parafuso da mistura da marcha lenta vc terá que fazer a regulagem novamente, a regulagem padrão que dá certo em 95% de todas as motos é vc deixar o parafuso com 2 voltas e meia, ou seja, aperte o parafuso com carinho até o final e o desenrosque 2 voltas e meia
.

Solte o braço do Afogador.




Solte o afogador com uma chave 14'.Olha que interessante, ao contrário do que disseram por aqui, esse afogador tem o sistema bem diferente da linha HONDA, na linha Honda o afogador fecha uma borboleta obrigando o motor sugar mais combustível da cuba, ja na YBR quando vc puxa o afogador vc vai estar liberando uma passagem extra de combustível da cuba diretamente pra dentro do motor.






Outro detalhe importante que não se pode esquecer é de tirar essa
pequena peneira que fica na entrada de combustível do carburador, ela é
muito fina, com o tempo vai tampando com a própria borra ou sujeira da
gasolina, ocasionando assim falta de combustível, engasgos e outros
males.



Puxe ela com alicate, mas tome cuidado para não danificá-la como eu fiz, aff!





Para fazer uma boa limpeza no carburador eu geralmente uso CAR-80, mas como meu carburador nem estava tão sujo eu optei por lavar com Diesel, o CAR-80 é bem corrosivo, caso precisem ou queiram usar esse produto, prestem bem atenção nas instruções contidas na lata do mesmo.

Joguei Diesel nele todo, deixei agir por uns 15 minutos, dei mais um banho de Diesel e retirei toda a sujeira com pincel, depois mais um banho de Diesel e finalmente um banho na torneira. Ficou novinho novamente.





Se tiverem compressor de ar melhor ainda, assopre em todos os orifícios do carburador pra terem certeza de que ficou bem limpo, caso não tenha assoprem com a boca mesmo em todos os furinhos da melhor forma que puderem.

Agora é só montar tudo com muito cuidado pra não sobrar e nem faltar nada, o parafuso da mistura de marcha lenta vc já aperta ele até o final e já solta as duas voltas e meia, monte tudo, todas as mangueiras, abra a torneira de combustível conte até 10 e se vc fez tudo certinho vai ser só apertar o botão de partida ou dar uma pedalada que a bichinha vai ficar contando em marcha lenta. Caso não dê certo, infelizmente vc vai ter que procurar alguém com mais conhecimento para ver o que vc fez errado.

Galera não é necessário retirar a agulha do pistonete, mas caso alguém resolva tirar é só girar essa pecinha marrom que tem dentro dele, isso aí é uma trava e por baixo tem uma molinha, muito cuidado pra não perder essa molinha.





Ahh! Certa vez li que um brother que não me lembro quem, disse que teve problema com esse diafragma e o "mecânico" parece que falou que deu problema pq lavaram essa borracha com gasolina. Putz eu fico impressionado como pode ter tanta gente incompetente assim que se diz o "Mecânico", se essa borracha fica dentro do carburador ela vai ser sensível á gasolina? Mas enfim, a real é que ela fica sempre molhada com gasolina, podem observar os dois furinho que o pistonete tem por baixo, alí entra ar e respingos de gasolina, todas as vezes que eu abri o carburador o pistonete assim como o diafragma de borracha estavam molhados com gasolina.



Pessoal, eu coloquei o escapamento esportivo na minha moto e desde então que eu a sinto presa, amarrada, mas a explicação é simples, como o escape esportivo é "aberto", quase sem restrição aos gases que saem da câmara de combustão, a tendência natural do motor vai ser dar Falta de Combustível, então resolví esse problema levantando a agulha em mais ou menos 0,5mm. Esse levante foi muito, o funcionamento do motor ficou meio áspero, então retirei uma das espumas do filtro de ar e a moto agora ficou excelente, macia e forte, deixa as outras Factor pra trás fácil fácil. Só que claro, "Cavalo anda, cavalo bebe", a moto que sempre fez 40km/L agora faz só 36km/L, mas eu não me importo, to muito satisfeito com o novo "Fôlego" que a motinha ganhou.

O procedimento é simples, peguei uma tampinha de ARISCO e recortei um pedacinho, enfiei na agulha do carburador e recortei as beiradas até ficar certinho, redondinho como a cabeça da agulha.

Só lembrando que só serve pra moto com escape esportivo, se fizer isso com escape original ou até Gemoto, Mini Pipe, não vai prestar, pois a saída de ar desses dois ultimos é quase a mesma do escape original, então a moto vai afogar, engasgar, beber muito e não andar nada.







LIMPEZA DO FILTRO DE AR

Bom, já dei várias dicas ao longo do Fórum de como fazer esse serviço, mas como nesse tópico em especial é sobre Revisão Geral, vou colocar aqui novamente e com fotos pra ficar mais bonitinho.

Retire a tampa lateral da moto, retire a tampa do Filtro de Ar afrouxando os 4 parafuso Philips



Solte a manguerinha vermelha que fica na frente da caixa de ar e arranque a espuminha que fica dentro do ladrão.



Retire as duas espumas da gradezinha.




Arranje um recipiente qualquer e coloque dentro óleo Diesel ou Querosene, tem que ser um lugar que dê pra vc mergulhar toda a espuma. Mergulhe uma de cada vez e esprema o máximo que puder, nunca torça, nunca lave com água e sabão. Quando o produto(Diesel ou Querosene) estiver saturado de óleo e sujeira, troque e repita o processo umas duas vezes pelo menos. Depois das espumas limpas e bem espremidas enxarque-as com óleo de motor, pode ser novo ou queimado, não use outro tipo de óleo como óleo de freio, hidráulico etc, enxarque e esprema umas 3 vezes até não sobrar mais vestígios de Querosene ou Diesel.





Tampe a entrada da coifa que vai para o carburador e lave bem a caixa do filtro de ar, lave com bucha, sabão e pincel para que fique bem limpo, depois enxugue e monte tudo.



Outra curiosidade nesse carburador, o Gicleur fica enfiado no fundo da cuba e bem vedado, a gasolina da cuba tem que passar por um canal no fundo dela pra subir no Gicleur, e nesse canal fica o CutOff, que serve para fechar a entrada de gasolina quando vc tá em alta e solta o acelerador. Mas infelizmente acho que esse sistema não rendeu grandes vantagens, prova disso é que a Factor de 2011 pra cima já não vem mais equipada com esse sistema.

Depois de pesquisar bastante eu descobri que mesmo as Factor de 2011 pra cima que não vem mais equipada com esse dispositivo, mantiveram essa borrachinha em volta do gicleur, mesmo não tendo utilidade alguma, então eu sugiro que os amigos a retirem, isso mesmo, a retirem e deixem sem, pois ela mais atrapalha do que ajuda, sem ela o fluxo de combustível para o gicleur principal fica bem melhor.





TROCANDO ÓLEO DAS BENGALAS



Bom pessoal, esse aqui é um trampo que olhando assim parece coisa de
outro mundo, mas não é, basta ter paciência e alguém por perto pra te
ajudar que vai dar tudo certo.


O trabalho é muito simples, eu comprei um copinho com medida
pra ter certeza do que vou estar fazendo. O óleo só tinha importado aqui
perto, como eu tava com preguiça de andar mais longe, comprei esse
mesmo. Importante que seja o ATF para transmissão automática e direção
hidráulica de Autos. Tem gente que usa óleo de motor pra ficar mais
durinha um pouco ou óleo SINGER para ficar mais macia, mas eu não curto
essas formas alternativas.




1º Passo: Antes de tudo afrouxar os parafusos que ficam
no topo das bengalas, antes até mesmo de afrouxar as mesas, pois se
vcs tirarem as bengalas fora pra depois afrouxar esses parafusos vcs não
vão conseguir nunca. Essa ferramenta eu criei apartir de um eixo dianteiro de uma Titan.




2º Passo: Tirar a roda, paralama, pinça, cabo do
velocímetro, tirar a plaqueta YAMAHA que fica logo abaixo do farol e
finalmente ter acesso e afrouxar os parafusos que prendem as bengalas,
não precisam retirar eles por completo, só mesmo afrouxar, se a frente
da sua moto estiver alinhadinha, nunca tiver sido batida, na hora que
afrouxar esses parafusos as bengalas já vão se escorrer pro chão. As
chaves necessárias para isso são uma 10 e uma 14.




Nisso observei que as pastilhas de freio já estão quase no osso hehe,
mas vão ter que aguentar mais 5.000KM, meu objetivo é chegar aos 35.000
com elas.




3º Passo: Com as bengalas nas mãos terminem de tirar fora o parafuso superior, cuidado que na hora que ele soltar tem uma certa pressãozinha, mas nada exagerado como a tampa de um bom Champanhe hehe! Tire de dentro devagarinho o caninho, a arruela e a mola, coloquem num lugar limpo, de preferência um jornal, escorra todo o óleo velho para dentro dessa vasilha com medidas, preste atenção na quantidade de óleo que tirou para colocar depois a mesma quantidade de óleo, este óleo fede pra kct, quanto mais velho mais fedido rssss, com a bengala já vazia coloque 50ml de óleo novo dentro dela e tampe, sem nada dentro, após isso dêem várias "bombadas" do tipo esticando e encolhendo a mesma,afim de livrar completamente o interior dela do óleo velho, abra a tampa e deixe-a escorrer bem, se o que saiu tiver muito sujo do óleo velho repitam o processo. Limpem as molas e os caninhos com um pano, não lavem e nem joguem Diesel em nada.





Essas
são as peças internas da bengala, pelo menos as que vcs vão ver, prestem atenção na posição das peças, observem que as molas são diferentes nas extremidades, de um lado tem as voltas mais abertas e do outro mais fechadas, a parte que as molas são mais fechadas ficam para cima.




4º E último Passo: Colocar o óleo novo, com um copo com medidas ou algo que o valha, vcs meçam a mesma quantidade que tiraram e mandem pra dentro, depois é só colocar as peças pra dentro, primeiro a mola, depois a arroela, depois o caninho e por último a tampa, observem se a arruela não ficou de lado, tipo atravessada. Quanto a tampa, como houve uma pressãozinha na hora de sair, vc vai ter que apertar ela ao mesmo tempo em que enrosca.

Essa é a posição exata como devem serem colocadas as peças internas.




Quanto a quantidade de óleo, vcs já devem ter visto algumas
controvérsias neste fórum, alguns falam 140ml, outros 150, 160, 170 e
por aí vai, mas a quantidade exata de óleo não importa muito, não pode é
ser muito mais que isso ou menos. O legal mesmo é fazer como eu fiz, meça a quantidade de óleo que estava dentro dos tubos e recoloque a mesma quantidade depois.

O óleo serve para impedir que
a suspensão desça e suba muito rápido, para fazer o trabalho de
amortecimento da suspensão, por dentro tem uma passagem bem pequena por
onde o óleo passa, a ponta de baixo da bengala funciona com uma espécie
de pistão com um furo, então o óleo fica o tempo todo por baixo, quando
por algum motivo a suspensão descer o óleo tem que subir para dar espaço
para a bengala descer, então é assim que ela funciona. Agora como eu
disse lá em cima no começo de tudo, há quem use óleo de motor por ser
mais grosso, para que a frente da moto fique mais dura, para que esse
impedimento do óleo seja maior, e há quem use óleo mais fino tipo
SINGER, para a suspensão descer e subir mais rápido, ou até mesmo quando
as bengalas estão riscadas e vazando óleo, o cidadão coloca óleo mais
grosso pra parar de vazar óleo.

O que deixaria a suspensão com um
curso menor seria a adição de maior quantidade de óleo dentro da bengala.

Mas ainda sobre a quantidade de óleo, no
potinho abaixo está o que eu tirei de óleo da minha, tem aí
aproximadamente 160ml, isso pq na mola e no caninho ficou bastante óleo,
então na prática tinha mais de 160ml aí dentro.




OBS.
Ao montar a apertar novamente as bengalas, não apertem os parafusos á ponto de espanar tudo;
As tampas das mesmas devem ser apertadas depois que elas estiverem bem presas no local;
Quando
a roda estiver fora não acionem o freio á disco, pois as pastilhas
podem colar uma na outra e vcs vão ter que procurar ajuda profissional
para descolar as mesmas;
As bengalas tem uma marcação em cima para que possamos colocá-las no lugar certo.

Pessoal,
agora o momento COMÉDIA da história toda, como nós sabemos todos temos
que dar uma "rata" ao executarmos qualquer serviço hehe, se não a coisa
não vai ter graça rss, mas tentem descobrir o que há de errado na foto
abaixo:




Pois bem, eu estava montando a suspensão e falando com minha filha ao
celular, quando vou parafusar e pinça kd o suporte? Estava do outro lado

 kkkkkkk, tinha motando a "bixiga" do lado errado rss, e não foi só
isso, podem ver na foto no canto inferior esquerdo, o "estabilizador"
estava lá no chão, tinha esquecido de colocar este tb rss.

Bom,
aproveitei que já estava fora e engraxei novamente os rolamentos da roda
dianteira e as engrenagens do velocímetro, semana passada eu já tinha
lubrificado de novo o eixo da balança e rolamentos da roda traseira.
Então minha motoca tá da cor do chão mas está toda revisadinha.

Então é isso pessoal, espero ter ajudado, qualquer dúvida podem perguntar.
Abraço á todos!


LUBRIFICAÇÃO DE CABOS E MANETES

Pessoal, taí outro detalhe que todo mundo deixa passar batido, a lubrificação dos cabos e manetes.
Alguém aqui já ficou no prego por conta de um cabo de embreagem arrebentado? Alguém por aqui sentiu a embreagem tão macia que parecia hirdráulica depois de trocar o cabo? Pois justamente por isso, se não lubrificar o cabo vai ficando cada vez mais duro, e como o processo é gradativo ninguém percebe, só quando o cabo arrebenta na rua, aí o camarada põe um novo e se da conta do quanto é macia sua embreagem.

Outra coisa são as manetes, alguém aqui sabia que tinha que lubrificá-las tb? Pois sim, se não lubrificar ela começa a se desgastar e ao manicoto onde ela é presa. Esse furo central vai aumentando até chegar ao ponto da manete quebrar. Agora vc imagina ter que trocar o burrinho de freio dianteiro que é caro pra caramba pq desgastou tanto o local da manete que chegou á quebrar o local onde ela é presa. Então vamos lá pessoal, vamos lubrificar essas besteirinhas tb, pois quando elas quebram a ocasião é muito chata.

Com uma chave '10, retire a porca do parafuso indicado na foto, essa porca fica por baixo, em seguida retire tb o parafuso. No caso da Factor ED, é fácil, pois tirou o parafuso a manete ja sai, aí é só lubrificar bem as partes que ficam em contato com o manicoto com óleo de motor mesmo. Ja o cabo da embreagem e do freio á tambor, tem que retirar o parafuso, folgar o parafuso de regulagem, da embreagem fica na própria borracha, é só puxa-la para trás e a do freio dianteiro á tambor é só afrouxar diretamente na roda, depois é só puxar a manete e desencaixar o cabo.



Vejam na foto abaixo o furo por onde passa o parafuso na manete o quanto já esta aberto.



Após peguem um vidrinho de óleo e faça como na foto abaixo, é um trabalho chato, o óleo demora a escorrer, mas tenham paciência, antes vcs perderem um tempinho agora do que um tempão caso dê algum problema na rua.





Depois é só montar novamente e fazer a regulagem da altura da embreagem e do freio.
Qualquer dúvida podem perguntar.


VERIFICANDO SE AS PASTILHAS/LONAS DE FREIO ESTÃO GASTAS


Tenho visto gente por aí trocando lonas e pastilhas de freio com 8.000km, então gostaria de saber se as lonas e pastilhas de vcs realmente estão gastas  ou se isso é papo de mecânico que está de olho no seu rico dinheirinho.

Na roda traseira é muito fácil, não precisa desmontar nada, basta agaixar-se e apertar o freio traseiro com a mão e verificar se essa setinha marcada em vermelho, com freio apertado está chegando no rumo da outra marcada em amarelo. Se sim é pq está na hora de trocar.



Com o freio dianteiro á tambor mesma coisa, vai ter essas mesmas marcações.


Já as pastilhas de freio á disco, se forem as pastilhas originais YAMAHA, elas vão ter esses dois pininhos destacados com círculos vermelhos, quando a pastilha chega no ponto de trocar esses pininhos começam a raspar nas bordas do disco ocasionando um chiado, um barulho até alto, isso serve como aviso que a pastilha já tá pra acabar. Já as pastilhas não originais não vão ter esses pininhos, aí sim só mesmo observando, caso contrário quando menos se vê já acabou todo o material da pastilha e o metal já vai estar pegando no disco provocando um barulho bem alto tb.

Nas pastilhas originais tb tem esses frisos/cortes mostrados com as setinhas amarelas, quando esses frisos acabam totalmente, hora de trocar as pastilhas.




Vejam o quanto eu uso minhas pastilhas, só troco quando estão desse jeito aí, antes disso é jogar dinheiro fora. Essas daí eu troquei com 35.000km rodados.
Veja na foto, a de cima é a velha e a de baixo a nova, só pra vcs verem, se a de vcs não tiverem quase o o "papel" como está essa de cima aí, esqueçam, não precisa trocar.








OBS:

1- Galera eu vou ficar devendo CAIXA DE DIREÇÃO. A minha mesmo depois de 53.000km rodados está em ótimas condições, não há folgas ou calos, e sei que isso é um negócio que depois que mexe a primeira vez aí haja ter dores de cabeça, então como a minha está ótima eu não vou mexer. Preciso dar uma lubrificada nela mas tenho que arrumar outra forma de fazer isso á não ser desmontar. Tal vez enfiar a graxa por baixo, sei lá. Depois penso nisso, e se um dia qualquer se eu precisar trocar essa caixa, não tenham dúvidas nenhuma que vou postar aqui para todos.

2- Outro detalhe que verificam numa revisão é a regulagem de válvulas, só que esse ítem eu não vou colocar aqui pq já parte pra área de mecânica mais aprofundada, já exige um conhecimento mais técnico, então não recomendo de forma alguma que façam isso em casa, pois uma regulagem mal feita pode ter consequências desastrosas que vão desde deixar a valvula presa, o que vai deixar seu motor sem rendimento e causar danos á longo prazo, até mesmo os pinos de valvulas se soltarem dentro do motor e causar danos sérios e imediatos. Mas só deixo aqui que este ítem é de grande importância.

Mas se mesmo assim alguém quiser se aventurar, vai o link de um tutorial que nosso amigo BRUGUELLO postou aqui no Fórum.

http://clubedosyamaheiros.forumeiros.com/t408-regular-valvulas-ybr-ybr-factor?highlight=regular valvulas

Então é isso meus amigos, desculpem o tópico extenso, mas não tinha como ser de outra forma. Quaisquer dúvidas, sugestões ou críticas, fiquem á vontade.


Última edição por Alex em Sex 27 Jun 2014 - 0:46, editado 10 vez(es)

Alex
ADMINISTRADOR
ADMINISTRADOR

Moto: : YBR Factor ED
Mensagens : 18786
Data de inscrição : 03/04/2012
Idade : 41
Localização : DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Lubrificar rolamentos das rodas YBR e YBR Factor

Mensagem por Alex em Sab 14 Jul 2012 - 6:20

Galera agora que fui lembrar, faltou um detalhe importante ai, LUBRIFICAÇÃO DOS CABOS E MANETES. Agora não da tempo, mas segunda feira faço o edit e acrescento aí.


Última edição por Xann em Sab 25 Ago 2012 - 16:28, editado 1 vez(es)

Alex
ADMINISTRADOR
ADMINISTRADOR

Moto: : YBR Factor ED
Mensagens : 18786
Data de inscrição : 03/04/2012
Idade : 41
Localização : DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Lubrificar Buchas da balança YBR e YBR Factor

Mensagem por Cássio Teixeira em Sab 14 Jul 2012 - 9:43

É +111111111111111

_________________
Cássiocel
Dá um clique aqui e veja as fotos da minha FACTOR.
http://clubedosyamaheiros.forumeiros.com/t104-preta-anonima-factor-ed-2011-cassio-teixeira
aê! Novas fotos.
http://clubedosyamaheiros.forumeiros.com/t104p60-preta-anonima-factor-ed-2011-cassio-teixeira
aê! >>Clique aqui. << Slideshow


Cássio Teixeira
Usuário Ouro
Usuário Ouro

Moto: : Factor ED preta
Mensagens : 1091
Data de inscrição : 03/05/2012
Idade : 45
Localização : Fortaleza - Ce

Voltar ao Topo Ir em baixo

Como limpar filtro de ar da YBR e YBR Factor

Mensagem por JoaoNeto em Sab 14 Jul 2012 - 10:05

cara tu sabe o quanto q eu to esperando por esse topico, e veio bem na hora segunda feira eu entro de ferias então mãos a obra "a +1 pra vc é lógico"

_________________

JoaoNeto
Colaborador
Colaborador

Moto: : yamaha factor k
Mensagens : 205
Data de inscrição : 01/05/2012
Idade : 32
Localização : Fortaleza

Voltar ao Topo Ir em baixo

Regular Mistura da Marcha Lenta YBR YBR FACTOR

Mensagem por Natan_Shark em Sab 14 Jul 2012 - 11:08

caraca completão esse topico, +1 com certeza, tu é f#da mano

_________________


visite meu tiziu

me add no face


curta a pagina do clube no facebook

Natan_Shark
MODERADOR
MODERADOR

Moto: : Crosser / Facto
Mensagens : 12832
Data de inscrição : 01/05/2012
Idade : 26
Localização : Itaboraí, rj

https://www.facebook.com/natan.silva.792

Voltar ao Topo Ir em baixo

Lubrificar manetes e cabos da YBR e YBR Factor

Mensagem por Alex em Dom 15 Jul 2012 - 22:26

Fala galera, poxa, valeu mesmo pelas considerações, como eu digo, é sempre um prazer poder ajudar. Eu adoro desmontar e montar tudo, não sou mecânico mas tenho o Dom do Desmonte hehe, a aproveito pra limpar tudo a lubrificar.

Vcs devem ler muito por ai eu me referindo á certas peças como "paradinhas", 'Tamborzinho", "borrachinha" e por aí vai, daí dá pra ver como não tenho nenhum conhecimento técnico de nada, mas desmonto e monto tudo que é uma beleza auhauhauhauhauh...

Dei um EDIT aí no tópico, agora coloquei sobre lubrificação de cabos e manetes e sobre lonas e pastilhas de freio.

O tópico é extenso mas vão lendo aí devagarzinho, vendo as fotos, que tem muita coisa interessante por aí.

Valeuuuuuu!!!!!


Última edição por Xann em Sab 25 Ago 2012 - 16:30, editado 1 vez(es)

Alex
ADMINISTRADOR
ADMINISTRADOR

Moto: : YBR Factor ED
Mensagens : 18786
Data de inscrição : 03/04/2012
Idade : 41
Localização : DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Regular valvulas YBR e YBR Factor

Mensagem por Alex em Qui 19 Jul 2012 - 14:34

Up pra quem ainda não viu!


Última edição por Xann em Sab 25 Ago 2012 - 16:31, editado 1 vez(es)

Alex
ADMINISTRADOR
ADMINISTRADOR

Moto: : YBR Factor ED
Mensagens : 18786
Data de inscrição : 03/04/2012
Idade : 41
Localização : DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Limpar e regular carburador da YBR e YBR Factor

Mensagem por jonathanlira em Qui 19 Jul 2012 - 16:00

é o macgyver!

_________________
segurança acima de tudo!!! aê!

Jaqueta Alpiestars Verona impermeável
Luvas Alpinestars Alloy
Capacete Ls2 ff358 Racing

jonathanlira
Usuário Bronze
Usuário Bronze

Moto: : ybr factor 125
Mensagens : 593
Data de inscrição : 10/05/2012
Idade : 32
Localização : Recife

Voltar ao Topo Ir em baixo

Revisão Factor

Mensagem por jacitdm em Qui 19 Jul 2012 - 16:08

jonathanlira escreveu:é o macgyver!
Ele existe!!!!!!!!!!! Hehe,, po xann,,quanta paciencia cara ,até os manetes vc tira pra limpar cara,, por isso que a bruxona é nota 1000 ,,muito bem cuidada,,logo logo vou ter que dar uma geral na limpeza da minha,quero ver se desmonto ela inteira,para limpar.,tanque e tudo,,me lembro das outras motos que eu tinha que eu só lavava por cima e embaixo do tanque tinha até barro...mas é isso aí,,PARABENS!!! Xann,esse é O CARA!!!!!

_________________
As roxas andam mais...hehehe...
Minh
a ex-boneca!!240cc .. muito loka essa motinha ...minha motoca!!
...http://clubedosyamaheiros.forumeiros.com/-fazer-11-12-roxa-do-jacitdm

jacitdm
Usuário Bronze
Usuário Bronze

Moto: : FAZER 250
Mensagens : 571
Data de inscrição : 10/05/2012
Idade : 28
Localização : caxias do sul /RS

Voltar ao Topo Ir em baixo

Revisão YBR

Mensagem por Alex em Qui 19 Jul 2012 - 20:48

Jonathan, não chega á tanto parceiro, eu não consigo construir uma bomba com uns pedaços de tomate e um cadarço de tenis velho rsss

JaciTDM, valeu Brother! Cara eu gosto de cuidar saca, o grande problema é que aqui chove cerca de 9 meses por ano, e esse ano pra acabar mesmo, é a primeira vez na história de Brasília que chove no mês de Julho, era pra tá um frio de rachar aqui, acho que é o fim do mundo mesmo, daqui um pouco vai chover o ano todo sem parar, aí é osso cara, tenho o maior desgosto de ver a bichinha só o barro e não poder fazer nada. Quando dou aquele grau o dia todo a á noite quando vou trabalhar pego uma pista molhada depois de uma chuvarada e começa a escorrer aquela águazinha de barro da viseira jogada pelas rodas de caminhões e ônibus, eu grito, dou socos no guidão, fico muito contrariado Mad kkkkkk.

Ah, e ainda faltou retirar os cavaletes pra lavar e engraxar, putz, eu me esquecí por completo mesmo.

Veja o grau que dei semana passada.






















Última edição por Xann em Qua 8 Ago 2012 - 8:53, editado 1 vez(es)

Alex
ADMINISTRADOR
ADMINISTRADOR

Moto: : YBR Factor ED
Mensagens : 18786
Data de inscrição : 03/04/2012
Idade : 41
Localização : DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Revisão YBR

Mensagem por jacitdm em Sex 20 Jul 2012 - 13:33

é isso aí,,, like a boss!!!!!!

_________________
As roxas andam mais...hehehe...
Minh
a ex-boneca!!240cc .. muito loka essa motinha ...minha motoca!!
...http://clubedosyamaheiros.forumeiros.com/-fazer-11-12-roxa-do-jacitdm

jacitdm
Usuário Bronze
Usuário Bronze

Moto: : FAZER 250
Mensagens : 571
Data de inscrição : 10/05/2012
Idade : 28
Localização : caxias do sul /RS

Voltar ao Topo Ir em baixo

Trocar óleo das Bengalas da YBR e YBR Factor

Mensagem por MidNight em Ter 7 Ago 2012 - 16:17

UP!

MidNight
Usuário Bronze
Usuário Bronze

Mensagens : 655
Data de inscrição : 02/04/2012
Idade : 36

http://clubedosyamaheiros.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: YBR/YBR FACTOR - REVISÃO GERAL

Mensagem por Alex em Ter 7 Ago 2012 - 16:23

Valeu Mid, pra galera que ainda não viu

_________________

Alex
ADMINISTRADOR
ADMINISTRADOR

Moto: : YBR Factor ED
Mensagens : 18786
Data de inscrição : 03/04/2012
Idade : 41
Localização : DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: YBR/YBR FACTOR - REVISÃO GERAL

Mensagem por spencer.chedid em Seg 27 Ago 2012 - 17:52

Ae Xann... esse seu tutorial me salvou de novo rsrs.

O ponteiro do velocímetro começou a vibrar do nada. Na hora tive a intuição "só pode ser falta de lubrificação nas engrenagens."
Não deu outra: tirei a roda e tinha só um pouquinho de graxa, e já tava até escura.
Então aproveitei pra tirar os rolamentos e lubrificar conforme o tutorial.
Agora, além da moto rodar mais macia, o velocímetro ficou zero de novo!

aê!

spencer.chedid
Iniciante
Iniciante

Moto: : YBR Factor ED
Mensagens : 37
Data de inscrição : 24/07/2012
Idade : 35
Localização : Belo Horizonte

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: YBR/YBR FACTOR - REVISÃO GERAL

Mensagem por Cássio Teixeira em Seg 27 Ago 2012 - 18:18

É isso aí Spencer mão na graxa aê! !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

_________________
Cássiocel
Dá um clique aqui e veja as fotos da minha FACTOR.
http://clubedosyamaheiros.forumeiros.com/t104-preta-anonima-factor-ed-2011-cassio-teixeira
aê! Novas fotos.
http://clubedosyamaheiros.forumeiros.com/t104p60-preta-anonima-factor-ed-2011-cassio-teixeira
aê! >>Clique aqui. << Slideshow


Cássio Teixeira
Usuário Ouro
Usuário Ouro

Moto: : Factor ED preta
Mensagens : 1091
Data de inscrição : 03/05/2012
Idade : 45
Localização : Fortaleza - Ce

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: YBR/YBR FACTOR - REVISÃO GERAL

Mensagem por Cássio Teixeira em Seg 27 Ago 2012 - 18:23

Spenser, clica no link abaixo e diz qual o significado do teu apelido. aê!

http://clubedosyamaheiros.forumeiros.com/t17p90-qual-o-significado-do-seu-nick

_________________
Cássiocel
Dá um clique aqui e veja as fotos da minha FACTOR.
http://clubedosyamaheiros.forumeiros.com/t104-preta-anonima-factor-ed-2011-cassio-teixeira
aê! Novas fotos.
http://clubedosyamaheiros.forumeiros.com/t104p60-preta-anonima-factor-ed-2011-cassio-teixeira
aê! >>Clique aqui. << Slideshow


Cássio Teixeira
Usuário Ouro
Usuário Ouro

Moto: : Factor ED preta
Mensagens : 1091
Data de inscrição : 03/05/2012
Idade : 45
Localização : Fortaleza - Ce

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: YBR/YBR FACTOR - REVISÃO GERAL

Mensagem por Alex em Ter 28 Ago 2012 - 13:48

spencer.chedid escreveu:Ae Xann... esse seu tutorial me salvou de novo rsrs.

O ponteiro do velocímetro começou a vibrar do nada. Na hora tive a intuição "só pode ser falta de lubrificação nas engrenagens."
Não deu outra: tirei a roda e tinha só um pouquinho de graxa, e já tava até escura.
Então aproveitei pra tirar os rolamentos e lubrificar conforme o tutorial.
Agora, além da moto rodar mais macia, o velocímetro ficou zero de novo!


Fala Spenser! Cara fico muito feliz em poder ajudar. Cara aproveita e dá uma lubrificada no cabo do velocímetro. Vc solta o canduite em cima e em baixo, depois puxa o cabo completo pra fora por cima ou por baixo, não lembro agora pra qual lado que sai, aí sim dê uma "besuntada" com graxa em todo o cabo de aço e o coloque no lugar novamente.

Alex
ADMINISTRADOR
ADMINISTRADOR

Moto: : YBR Factor ED
Mensagens : 18786
Data de inscrição : 03/04/2012
Idade : 41
Localização : DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: YBR/YBR FACTOR - REVISÃO GERAL

Mensagem por jonathanlira em Qua 19 Set 2012 - 11:48

Pessoal.
enviei um email para a Yamaha questionando uma prática usada por todas as CCs daqui de recife. onde cobram além do óleo um famoso "kit" composto por graxa, estopa, desengripante.

abaixo a resposta da Yamaha sobre essa prática ilegal de cobrar sobre tal "kit"

Prezado Senhor Jonathan de Lira Brito,

Inicialmente agradecemos o seu contato.

Em atenção ao seu e-mail, registro nº 20120919-XXXXX, Informamos que a revisão de 1.000 e 3.000 km a mão de obra gratuita, devendo o consumidor arcar com as despesas de óleo lubrificante, filtro e peças e serviços excluídos da garantia.

Quanto ao Kit Material mencionado, fica a critério do cliente aceitar ou não.

Caso a concessionária na revisão de 3.000 km obrigarem o senhor a comprar o kit mencionado, orientamos não efetuar o pagamento e nos retornar o contato com os dados abaixo para que possamos verificar tal prática comercial da concessionária.



DADOS DO PRODUTO

Numeração do chassi:

Modelo:
Placa:
Quilometragem atual:

DADOS DO CONTATO


Nome e endereço da concessionária:
Numero da ordem de serviço:

Data de abertura da ordem de serviço:

Nome do atendente:

Relato da ordem de serviço:



Estamos à disposição também pelo telefone – (11) 2431-6500 (de segunda a sexta-feira, das 8h00 às 17h30, exceto feriados).



Atenciosamente.

_________________
segurança acima de tudo!!! aê!

Jaqueta Alpiestars Verona impermeável
Luvas Alpinestars Alloy
Capacete Ls2 ff358 Racing

jonathanlira
Usuário Bronze
Usuário Bronze

Moto: : ybr factor 125
Mensagens : 593
Data de inscrição : 10/05/2012
Idade : 32
Localização : Recife

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: YBR/YBR FACTOR - REVISÃO GERAL

Mensagem por Alex em Qua 19 Set 2012 - 12:53

Putz, é isso aê brother, exija seus direitos ao extremo

_________________

Alex
ADMINISTRADOR
ADMINISTRADOR

Moto: : YBR Factor ED
Mensagens : 18786
Data de inscrição : 03/04/2012
Idade : 41
Localização : DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: YBR/YBR FACTOR - REVISÃO GERAL

Mensagem por Natan_Shark em Qua 19 Set 2012 - 13:27

Grande jonathan a parada é essa tem q explanar esses safados das cc msm

_________________


visite meu tiziu

me add no face


curta a pagina do clube no facebook

Natan_Shark
MODERADOR
MODERADOR

Moto: : Crosser / Facto
Mensagens : 12832
Data de inscrição : 01/05/2012
Idade : 26
Localização : Itaboraí, rj

https://www.facebook.com/natan.silva.792

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: YBR/YBR FACTOR - REVISÃO GERAL

Mensagem por jonathanlira em Qua 19 Set 2012 - 14:00

vcs tão vendo como eu sou chato pra exigir meus direitos né... kkkk
todo mundo deveria ser assim. ai os atendimentos mudariam da agua pro vinho!

_________________
segurança acima de tudo!!! aê!

Jaqueta Alpiestars Verona impermeável
Luvas Alpinestars Alloy
Capacete Ls2 ff358 Racing

jonathanlira
Usuário Bronze
Usuário Bronze

Moto: : ybr factor 125
Mensagens : 593
Data de inscrição : 10/05/2012
Idade : 32
Localização : Recife

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: YBR/YBR FACTOR - REVISÃO GERAL

Mensagem por Alex em Qua 19 Set 2012 - 15:08

Com certeza!

_________________

Alex
ADMINISTRADOR
ADMINISTRADOR

Moto: : YBR Factor ED
Mensagens : 18786
Data de inscrição : 03/04/2012
Idade : 41
Localização : DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: YBR/YBR FACTOR - REVISÃO GERAL

Mensagem por Xandyroesch em Qua 19 Set 2012 - 21:15

Ta certo Jonathan, se nao abrirmos os olhos com as cc, eles vao nos roubar emplena luz do dia.

_________________

                                                   minha Pretinha

Xandyroesch
MODERADOR
MODERADOR

Moto: : Factor k 2010
Mensagens : 14549
Data de inscrição : 28/04/2012
Idade : 33
Localização : Venâncio Aires - RS

https://www.facebook.com/profile.php?id=100000017050376

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: YBR/YBR FACTOR - REVISÃO GERAL

Mensagem por Alex em Qua 3 Out 2012 - 10:12

Up!

_________________

Alex
ADMINISTRADOR
ADMINISTRADOR

Moto: : YBR Factor ED
Mensagens : 18786
Data de inscrição : 03/04/2012
Idade : 41
Localização : DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: YBR/YBR FACTOR - REVISÃO GERAL

Mensagem por jonathanlira em Qua 3 Out 2012 - 12:00

o gerente do pós venda veio conversar comigo dizendo que a yamaha sabe que essa pratica acontece aqui por todas as cc de recife...

e disse ainda que não tem condições nenhuma de fazer revisão numa moto cobrando apenas o óleo.

ja pensaram?

a revisão dos 3 mil da minha moto ficou em 36 reais.
óleo, duas lampadas queimadas do painel, tubo de graxa e rost off spray, ambos voltaram p mim ainda com quantidades para posterior uso

_________________
segurança acima de tudo!!! aê!

Jaqueta Alpiestars Verona impermeável
Luvas Alpinestars Alloy
Capacete Ls2 ff358 Racing

jonathanlira
Usuário Bronze
Usuário Bronze

Moto: : ybr factor 125
Mensagens : 593
Data de inscrição : 10/05/2012
Idade : 32
Localização : Recife

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 11 1, 2, 3 ... 9, 10, 11  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum