CLUBE DOS YAMAHEIROS
Desculpa, você está desconectado, faça o Logon usando seu nome de usuário e senha previamente cadastrados ou faça o seu cadastro.

Luz Amarela Piscando – Autodiagnóstico de Defeitos Factor YBR 125

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Luz Amarela Piscando – Autodiagnóstico de Defeitos Factor YBR 125

Mensagem por Ctrl -Alt -Del em Dom 23 Out 2016 - 22:27


Este guia visa auxiliar na identificação do código ou códigos de defeito sinalizados pela luz amarela do console do painel da YBR 125 Factor com carburador (eletromecânico). Você será capaz de determinar as prováveis causas para orientar o mecânico ou para você mesmo resolver a questão.

A luz de advertência amarela pisca ou fica acessa se algum circuito elétrico que monitora o motor não estiver funcionando corretamente. Este guia não se aplica para os modelos Factor 125i e 150i.

A YBR 125 Factor possui o recurso de autodiagnóstico básico para alguns defeitos. E uma tabela de códigos de falhas. Seguindo as instruções abaixo, você poderá reconhecer onde pode estar o problema.





O interruptor principal/ trava de direção citado acima é onde se introduz a chave de ignição.





O código 57 (válvula Cutoff) somente é aplicável aos modelos Factor 125 entre 2009/2010.

Para resolução de problemas relativos ao código de erro 61. Siga o tutorial "Diagnóstico da bateria e do sistema de carregamento."

http://clubedosyamaheiros.forumeiros.com/t5040-tutorial-diagnostico-da-bateria-e-do-sistema-de-carregamento

O tópico foi criado para discutirmos sobre esse assunto, trocarmos experiências e compartilharmos soluções encontradas. Quando houver dúvidas, sugestões ou relatos de soluções, deixe o seu comment.


Última edição por Ctrl -Alt -Del em Ter 18 Jul 2017 - 21:21, editado 9 vez(es)

_________________


Crtl-Alt-Del

avatar
Ctrl -Alt -Del
MODERADOR
MODERADOR

Moto: : Factor 125K1 14
Mensagens : 1071
Data de inscrição : 01/05/2016
Idade : 51
Localização : São Paulo, capital

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Luz Amarela Piscando – Autodiagnóstico de Defeitos Factor YBR 125

Mensagem por Alex em Seg 31 Out 2016 - 20:51

Ótimo tópico meu amigo, esses códigos são uma incógnita que eu sinceramente nunca tive paciência pra pesquisar, agora está tudo aí e bem explicado.

+1 na alta, e tópico fixado aê!

_________________
avatar
Alex
ADMINISTRADOR
ADMINISTRADOR

Moto: : YBR Factor ED
Mensagens : 19174
Data de inscrição : 03/04/2012
Idade : 41
Localização : DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Luz Amarela Piscando – Autodiagnóstico de Defeitos Factor YBR 125

Mensagem por Ctrl -Alt -Del em Seg 31 Out 2016 - 21:00

Saliento que este sistema de autodiagnóstico foi concebido para as Factor 125 da primeira e segunda geração somente. Isto é, as Factors modelos de 2009 a 2016 que possuem o carburador eletromecânico BS-25.

Porque as Factors 125i e 150i não existiam até então. Essas últimas foram lançadas como modelos 2016/17. Cuidado para não fazer confusão.

_________________


Crtl-Alt-Del

avatar
Ctrl -Alt -Del
MODERADOR
MODERADOR

Moto: : Factor 125K1 14
Mensagens : 1071
Data de inscrição : 01/05/2016
Idade : 51
Localização : São Paulo, capital

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Luz Amarela Piscando – Autodiagnóstico de Defeitos Factor YBR 125

Mensagem por PedroCTR em Ter 27 Dez 2016 - 22:19

Sistema útil somente nos casos da detecção de curto-circuito no chicote e bateria fraca/baixa tensão da ignição, sendo que ainda assim podem não ser exatamente os "defeitos", mas sim sintomas de outros defeitos piores ou mesmo menores. Considero essa "luz de anomalia" um daqueles dispositivos que o estagiário da engenharia inventou e o departamento gostou. Não considero algo de fato útil e que venha á facilitar a manutenção da moto, pois na maioria dos casos ele diagnostica defeitos em si próprio.
Mas a tabela se torna útil para termos um ponto de partida quando a bendita luzinha acender.

_________________
hum??? Qual foi a primeira consequência da invenção da roda?hum???

FOI A BARRIGA! kkk!!! kkk!!! ha!ha! ha!ha!
avatar
PedroCTR
Colaborador
Colaborador

Moto: : Yamaha Factor K
Mensagens : 192
Data de inscrição : 27/02/2015
Idade : 30
Localização : Rio Grande RS

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Luz Amarela Piscando – Autodiagnóstico de Defeitos Factor YBR 125

Mensagem por Ctrl -Alt -Del em Qua 28 Dez 2016 - 0:05

Olá Pedro,

O método ao lidar com problemas elétricos é algo diferente da maneira de pensar que usamos para tratar de questões mecânicas.

No caso de problemas elétricos se usa uma análise binária que requer o uso de raciocínio lógico para alcançar soluções. Isto é, o uso da lógica e conceitos das leis da eletricidade. Contudo não é preciso ser um expert em eletricidade para evoluir na análise e solução.

O autodiagnóstico do post é o ponto de partida. O código ou códigos de falhas sinalizados mostram qual ou quais caminhos a seguir dividindo as causas entre a origem nos sensores ou baixa tensão em algum dos sistemas. Pode parecer básico e é básico mesmo, contudo é um significativo diferencial em relação a outras motos de cilindrada similar disponíveis no mercado que usam carburador. As quais não possuem esse sistema de autodiagnóstico.

Em corporações como a Yamaha há uma equipe de engenharia de produto que trabalha dentro de uma rede interna global. Um sistema de diagnóstico impacta no custo de fabricação de um produto. A decisão de adotá-lo ou não dentro de um produto; concerne a uma equipe que transcende a ideia de um suposto estagiário com uma ideia excêntrica ou mirabolante.

Como sei que você é uma pessoa inteligente recomendo consultares o manual de serviços. Nele, nas páginas seguintes do autodiagnóstico, há uma sequência de procedimentos para análise de problemas. E uma série de testes de sistemas elétricos para identificar a origem. Os quais (testes) e procedimentos são descritos ao longo daquele manual.

Ademais, mesmo os mais sofisticados sistemas de análise de falhas para sistemas FI, às vezes ficam confusos e requerem das pessoas o uso da lógica e inteligência para solucionar os problemas relacionados.

Este tópico foi criado para auxiliar e orientar participantes a interpretarem e entenderem o que estaria acontecendo. No sentido de incentiva-los a buscar soluções, não do contrário.

A atitude que temos diante da vida e dos problemas faz a diferença na forma como  superamos as dificuldades. Um aviso de código no painel é uma oportunidade para se encontrar uma solução. E não uma barreira para acharmos um motivo para não entendê-lo.

_________________


Crtl-Alt-Del

avatar
Ctrl -Alt -Del
MODERADOR
MODERADOR

Moto: : Factor 125K1 14
Mensagens : 1071
Data de inscrição : 01/05/2016
Idade : 51
Localização : São Paulo, capital

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Luz Amarela Piscando – Autodiagnóstico de Defeitos Factor YBR 125

Mensagem por PedroCTR em Qua 28 Dez 2016 - 21:53

Caro confrade Ctrl-Alt-Del,
Não quis "esmaecer" a engenharia da yamaha, acho que não me fiz claro o suficiente ao comentar que o "autodiagnóstico" desse modelo em questão é tecnicamente demasiado "raso", e explico porque da minha visão:
Entendo um pouco de mecânica automotiva e usarei um dos modelos mais simples para basear minha afirmação, o sistema EFI MULTEC que equipava a linha GMB durante a década de 1990(Monzas, kadetts, ipanemas, os primeiros corsa wind e as primeiras S-10/Blazer). Trata-se de um sistema de injeção eletrônica composta por uma única válvula de injeção(1 "bico") e uma "TBI"(Throttle Body Injection - em tradução livre: "CORPO DE ACELERAÇÃO"). Esse sistema é muitíssimo simples, porém completo no quesito "autodiagnóstico", já que têm vários sensores interconectados por todo carro(inclusive era interligado com o sistema ABS, disponível em alguns modelos como Monza e Kadett - o ABS para S-10 nessa época era um sistema mecânico que só atuava nas rodas traseiras). Então, o que quis dizer é que no caso da factor a presença desse "autodiagnóstico" poderia ser suprimida sem prejuízo algum para a performance e correto funcionamento da moto, já que não há sensores que monitorem fluxo de ar, temperatura, quantidade de combustível, velocidade, rotação, etc. Ao invés de investirem em algo tão restrito, poderiam ter estendido o medidor de combustível no painel ás versões de entrada K1, ou aplicado um conta-giros, muitíssimo mais útil para uma condução eficiente e preservação do motor.
Mas, nossa indústria automotiva/motociclística é expoente em aplicar soluções para "problemas que não existem", caso dos mille electronic que, apesar de carburado(como a factor) tinha a bendita "luz-espia" de anomalia que, assim como a factor só monitorava motor e parte do quadro elétrico, já que assim como na factor, o mille só tinha sensor no carburador.
Porém, da mesma forma que critico esse posicionamento dos fabricantes, defendo que "se está lá, é para funcionar", mesmo que questionável no propósito, acho que o funcionamento deve ser cuidado e quando a luzinha piscar, deve-se dar atenção e corrigir.

_________________
hum??? Qual foi a primeira consequência da invenção da roda?hum???

FOI A BARRIGA! kkk!!! kkk!!! ha!ha! ha!ha!
avatar
PedroCTR
Colaborador
Colaborador

Moto: : Yamaha Factor K
Mensagens : 192
Data de inscrição : 27/02/2015
Idade : 30
Localização : Rio Grande RS

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum